Yamaha Star Venture 1900 é uma touring recheada de mordomias

Equipado com motor elétrico para manobras, malas integradas e sistema de informação e entretenimento, modelo foi projetado para encarar longas viagens, sem perder o penteado

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 10/06/2017 10:00 / atualizado em 18/06/2017 11:33 Téo Mascarenhas /Estado de Minas
Yamaha/Divulgação

A Yamaha lançou, inicialmente para o mercado americano, o modelo touring Star Venture 1900, com vocação para longas viagens, de preferência com asfalto lisinho. Com porte pra lá de avantajado e malas integradas, tem todo tipo de mordomia para o piloto e garupa, além de muita eletrônica e um clássico motor de dois cilindros em V, de 1.854cm³. Na terra do Tio Sam, vai disputar a preferência principalmente com as tradicionais Harley-Davidson Ultra Limited e Indian Roadmaster, também vendidas aqui e igualmente equipadas com o motorzão V2.

Os freios são ABS com sistema de distribuição de frenagem - Yamaha/Divulgação Os freios são ABS com sistema de distribuição de frenagem

A “coincidência” também abre a possibilidade para a nova Star Venture 1900 desembarcar por aqui. O visual segue os padrões transatlânticos ianques, com um reforço. A carenagem frontal e o conjunto de faróis têm inspiração nos volumosos carros americanos dos anos 1960, e do mesmo modo, com enormes motores. Por outro lado, a modernidade dos LEDs está presente sem economia. Na dianteira, são quatro faróis e mais dois auxiliares inferiores. Na traseira, quatro conjuntos horizontais distribuídos nas malas e rabeta, além das setas dianteiras incorporadas aos retrovisores.

O motor tem dois cilindros em V e 14,7kgfm de torque - Yamaha/Divulgação O motor tem dois cilindros em V e 14,7kgfm de torque

PACOTE COMPLETO
Para rodar nas estradas com a Star Venture 1900, a partir de setembro, já como modelo 2018, o piloto vai contar com chave inteligente, com sensor de presença, para-brisa regulável, aquecimento de banco e manoplas, abertura por controle remoto das malas, assistente de manobras com motor elétrico para frente e para trás, regulagem remota da pré-carga da suspensão traseira, controle automático de velocidade (piloto automático), ajustes na altura do banco e uma tela colorida de sete polegadas sensível ao toque com comando de voz para acessar os sistemas de informações e entretenimento.

O sistema conta com Blurtooth e tomada USB, som com quatro caixas, computador de bordo, inclusive com monitoramento da pressão dos pneus. O pacote Transcontinental acrescenta sistema de navegação por satélite, rádio CB (para comunicação de longa distância), caixas de som adicionais com duas zonas (piloto e garupa), que permite selecionar músicas distintas, ou atender o celular, além de intercomunicador e alarme de série. Além da tela, conta com comandos no guidão e para o passageiro, que também acessa o sistema.

As malas integradas têm controle de abertura elétrico - Yamaha/Divulgação As malas integradas têm controle de abertura elétrico

MOTOR O tradicional propulsor de dois cilindros em V foi herdado da linha Star, porém com aperfeiçoamentos, além de refrigeração a ar com radiador de óleo, oito válvulas, duas velas por cilindro e um câmbio de seis marchas, com transmissão final por correia, fornecendo 14,7kgfm de torque. Também conta com embreagem deslizante e o sistema de ajuste de velocidade de abertura do acelerador eletrônico, que funciona como uma espécie de controle de tração, proporcionando respostas mais nervosas, ou manso, conforme as condições de peso, piso e da tocada.

O sistema de informação e entretenimento tem várias opções de comunicação e som - Yamaha/Divulgação O sistema de informação e entretenimento tem várias opções de comunicação e som

A suspensão dianteira é convencional, com tubos de 46mm de diâmetro e 130mm de curso. A suspensão traseira é do tipo mono, com109mm de curso. As rodas são de liga leve, com aro de 18 polegadas na dianteira e 16 na traseira. O tanque de combustível tem capacidade para 25 litros, ampliando a autonomia. Já os freios, para brecar a locomotiva, contam com duplo disco de 298mm na dianteira e, curiosamente, simples e ainda maior, com 320mm, na traseira (em função do maior peso de 434kg a seco), equipados com sistema ABS e de distribuição de frenagem entre as rodas.

Tags: yamaha star venture 1900 teo mascarenhas vrum

Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Ultimas Notícias

ver todas
14 de agosto de 2017
07 de agosto de 2017
31 de julho de 2017
22 de julho de 2017
17 de julho de 2017